Porque escolhi a Naturologia

Tudo sempre começa com uma escolha.

Aos 17 anos eu tinha que fazer a minha escolha profissional.

Naquela época eu não conhecia o Google, então, abri o Guia do Estudante (versão impressa). Psicologia? “Gostei”. Fisioterapia? “Pode ser”. Terapia Ocupacional? “Interessante”. Nutrição? “Talvez”.

Continuei procurando, até que abri uma página que apresentava novos cursos de graduação e lá estava a ‘Naturologia Aplicada’.

Me apaixonei. “Mãe, já sei que curso eu quero fazer”. E ela, tentando não interferir na minha escolha: “Tem certeza?”.

Li um pouco mais, conversei com algumas pessoas, mas já não me via fazendo outra coisa.

Sempre achei que deveria ter algo além do dinheiro. Tinha que ter um sentido maior em tudo isso. Claro, ganhar dinheiro é essencial, mas você não pode acordar todos os dias e sair da cama motivado “só” para ganhar dinheiro.

Tem que ter algo mais. Tem que ter um propósito. Tem que ser algo que cause um impacto positivo no mundo.

Outra coisa que eu nunca entendi direito é a forma como algumas pessoas levam suas vidas. Parecem estar no piloto automático. Correria, falta de tempo, dor, estresse, mal humor, ansiedade… a vida tem que ser assim mesmo?

Ainda não estava muito claro para mim, mas de alguma forma eu sentia que a Naturologia se encaixava em tudo isso.

Acredito que cada pessoa tem um propósito nesta vida e cada um deve procurar a profissão que atenda à este propósito e fazer algo que lhe agrade.

Bem, o curso já estava definido. Mas onde?

Eu tinha duas opções: Anhembi Morumbi, em São Paulo, que era mais perto. Mas seria a primeira turma. Resolvi ir para Floripa, na Unisul, onde a primeira turma já estava se formando.

Minha mãe, sempre ponderada, “Tem certeza? É longe”. Mas achei que a distância não seria problema. Santa inocência.

Fui. Aos 17 anos, cheia de malas, muitas expectativas e um pouquinho de coragem.

Minha irmã foi junto para ajudar na mudança e na adaptação. Os primeiros dias foram ótimos, mas quando ela disse que ia embora eu pensei: “Vou junto”. Ela partiu e eu desatei a chorar.

“Mãe, quero voltar para casa”. E ela, louca para me deixar voltar: “Você não quis ir? Agora fica, pelo menos a primeira semana, o primeiro mês, o primeiro semestre”. E depois eu não quis mais ir embora.

Minha mãe precisou ser forte e eu sou muito grata à ela por não ter me deixado voltar.

“Naturo… o que?”

Foi a pergunta que mais escutei durante a faculdade e depois que me formei também. Acho que nunca vou me acostumar quando respondo que sou Naturóloga e a pessoa não pergunta nada. Sempre desconfio.

NA-TU-RO-LO-GIA.

Antes de explicar o que é Naturologia, é bom deixar bem claro o que NÃO é Naturologia.

Naturologia não é Nutrologia (especialidade MÉDICA que estuda, pesquisa e avalia os benefícios e malefícios causados pela ingestão dos nutrientes,  visando a manutenção da saúde e redução de risco de doenças).

Naturólogo não Nutrólogo, nem Nutricionista.

Naturologia não é Naturismo (conjunto de princípios e comportamentos que preconizam um modo de vida baseado no retorno à natureza, defendendo a vida ao ar livre, o consumo de alimentos naturais e a prática do nudismo, entre outras atitudes). Naturólogo não come só coisa ‘natureba’ e NÃO anda pelado.

A Naturologia, como graduação, é um curso novo. Como conhecimento é tão antigo quanto a própria humanidade, já que os recursos naturais são utilizados como terapêuticos antes mesmo da medicina que conhecemos hoje existir.

O curso de Naturologia foi criado em 1998, com o objetivo de aprimorar e fundamentar conhecimentos dispersos e fragmentados.

Segundo o Guia do Estudante (dessa vez acessei pelo site), o bacharel em NATUROLOGIA pesquisa, ensina, orienta e utiliza terapias naturais na prevenção e no tratamento de doenças ou distúrbios físicos e na melhoria da qualidade de vida.

Foram 4 anos e meio de curso.

Nova Imagem

Em 5 de agosto de 2006 me formei e voltei para minha terra natal, trazendo comigo a saudade dos amigos e da vida que vivi em Floripa.

Em Mococa montei um consultório, onde comecei a trabalhar com massagens, reflexologia, florais de Bach, aromaterapia, entre outras terapias.

Em 2010 comecei a atender em Ribeirão Preto, com uma equipe multidisciplinar, na Clínica Vital Saúde do Corpo. Fiquei um tempo me dividindo entre as duas cidades, mas em 2012 me casei e optei por ficar trabalhando só em Ribeirão Preto, onde estou até hoje.

Atualmente atendo no Espaço Zamboê San, um espaço voltado para o bem-estar.

10 anos já se passaram desde que eu me formei.

Enfrentei muitas dificuldades até aqui. A luta pelo reconhecimento da profissão é apenas uma delas. Mas qual caminho não tem as suas dificuldades?

E o que mais me encanta nessa profissão? Conhecer as pessoas e poder ajudá-las a viver melhor. Ajudá-las a se conhecerem melhor. E tenho conhecido pessoas incríveis nesta caminhada, com histórias que modificam a minha própria vida!

Penso que o meu propósito de vida é ajudar as pessoas a viverem bem, mais plenamente, com saúde e qualidade de vida.

E no final do dia, quando sei que dei o meu melhor e que fiz a diferença na vida de uma pessoa, mesmo que seja ‘só’ por um momento, mesmo que seja deixando o dia dela ‘mais leve’, então, eu tenho a certeza de que estou cumprindo a minha missão.

Anúncios

Reiki

Reiki é um sistema natural de harmonização e reposição energética que mantém ou recupera a saúde. O Reiki é um sistema próprio para despertar o poder que habita dentro de nós, captando, modificando e potencializando energia.

De origem japonesa, seu nome identifica o Sistema Usui de Cura Natural (Usui Reiki Ryoho), em homenagem ao seu descobridor, Mikao  Usui.

Rei significa universal e refere-se ao aspecto espiritual, à essência energética cósmica que permeia todas as coisas e circunda tudo quanto existe. Ki é a energia vital individual que flui em todos os organismos vivos e os mantém. Quando a energia ki sai de um corpo, ela deixa de ter vida. O Reiki é um processo de encontro dessas duas energias, a Energia Universal e a nossa energia física.

É um método que controla ansiedade e estresse, ativa o sistema imunológico, bom para eliminar vícios e compulsões, comportamentos e atitudes que queremos modificar. Funciona como instrumento de transformação de energias nocivas em benéficas.

O Reiki é uma terapia complementar, pode ser usada em qualquer tratamento médico convencional ou homeopático e também junto à acupuntura, massoterapia ou qualquer outro tratamento. Age em todo o Ser e trabalha em todos os corpos: físico, mental, emocional e energético.

A energia Reiki é uma das maiores forças deste planeta para a evolução das pessoas, um caminho de harmonização interior com o Universo. É uma energia confortadora, vinda de Deus, do Criador. Vem do macrocosmo para o microcosmo.

O Reiki eleva sua consciência, traz alegria, felicidade, prosperidade, bem estar e recupera e mantém a saúde.

Reiki-112802441

Ayurveda

Com origem na Índia, a Ayurveda é um dos mais antigos sistemas de cura conhecido na humanidade. Manuscritos em sânscrito com mais de três mil anos fazem crer que esta medicina é praticada há cinco mil anos ou mais. Ayur = vida e Veda = conhecimento, literalmente “ciência da vida” é também a “ciência da longevidade”.

A Ayurveda trata o indivíduo integralmente levando em consideração seus aspectos físicos, mentais e espirituais. Enfatiza a prevenção, mas possui métodos eficazes que comprovadamente auxiliam no tratamento das mais diversas doenças. A massagem é um dos tratamentos desta medicina, além de programas de desintoxicação, uso de óleos medicinais, dieta, fitoterapia, atividade física, yoga, alongamentos e meditação.

O tratamento baseia-se na “TEORIA TRIDOSHA” que classifica os seres humanos em três “doshas”, biotipos ou constituições básicas denominadas Vata, Pitta e Kapha.

Cada pessoa tem uma constituição peculiar  resultante do equilíbrio ou da predominância de Vata, Pitta ou Kapha ou da combinação desses doshas. O dosha predominante descreve a aparência do indivíduo, além de metabolismo, comportamento e personalidade.

O tratamento da Ayurveda visa restaurar o equilíbrio do dosha através da harmonia no fluxo de energia. O tratamento é individualizado, de acordo com as características únicas da pessoa.

ABHYANGA é o nome da massagem terapêutica indiana com óleo e aromas aquecidos e adequados ao biotipo de cada pessoa. A sequencia da massagem envolve a estimulação ou o relaxamento de pontos vitais do organismo, denominados marmas com ação efetiva sobre o metabolismo, sintomas e a restauração física e mental.

ayursweda

Doshas

O Universo é formado por 5 elementos básicos: éter (vazio), ar, fogo, água e terra. Cada dosha corresponde a combinação desses elementos. Assim, VATA é a combinação de éter (vazio) com ar, sendo ar predominante. PITTA se constitui de fogo e água, com o o fogo predominante. KAPHA combina a água e a terra, com a terra predominante.

As características fundamentais dos Doshas são as seguintes:

VATA

Em equilíbrio é energético, criativo, adaptável, dotado de iniciativa.

Em desequilíbrio é inquieto mentalmente, ansioso, inconstante, inseguro, depressivo.

O biotipo Vata é longilíneo, magro e estrutura óssea leve. Não ganha peso com facilidade. Possui pele e cabelo ressecados  e costuma ficar com os pés e mãos frios. O apetite varia de acordo com o estado de espírito. Não digere bem proteínas. Prefere clima quente, comida e bebida aquecida. Costuma dormir pouco e se alimentar irregularmente.

Vata é entusiasmada, rápida na ação, distraída, tende ao esquecimento, às vezes fala mais do que deve. Dotada de criatividade artística, gosta de esoterismo, é capaz de detectar poderes de clarividência ou cura nela mesma e pode adotar um estilo de vida despojado. Por natureza é tímida e sensível. Indeciso e ansioso, pode deixara a escola cedo e mudar frequentemente de emprego. Trabalhar em locais onde se exige concentração constante pode lhes prejudicar a saúde.

Os distúrbios de Vata podem ser ansiedade, reumatismo, distúrbios nervosos, ciática, insônia, pele seca, constipação, retração da gengiva, ossos fracos, infertilidade, impotência, fraqueza do coração, cólicas, flatulência, gagueira, zumbido nos ouvidos, menstruação irregular com cólicas, veias varicosas, paralisia, coagulação do sangue, anorexia, tremor, má circulação etc.

PITTA

Em equilíbrio é inteligente, sedutor, brilhante, determinado, eficaz e articulado.

Em desequilíbrio é irritado, crítico, agressivo, intolerante e autoritário.

Pitta possui bom metabolismo, gosta de atividade física, tem o corpo saudável com músculos bem desenvolvidos. Estrutura e peso medianos. Seus cabelos encanecem mais cedo e têm tendência à calvície. Pele costuma ser rosada ou avermelhada. Precisa se alimentar e beber regularmente. Não digere bem gorduras. Transpira muito e se sente desconfortável no calor. Prefere alimentos frescos ou frios.

A pessoa do dosha Pitta é alerta, ambiciosa, tem uma criatividade metódica mais adequada para assuntos técnicos ou científicos, boa oradora e vende bem a si mesma e aos seus produtos. Sua agressividade pode degenerar em hostilidade ou impaciência. Determinado, prático, têm boa capacidade mental, boa memória e gosta de atividades intelectuais. Prioriza o luxo e o conforto. Pode cometer excessos no trabalho ou ao fazer o que gosta. Pitta deve trabalhar em lugares ventilados e secos.

A tensão constante e a excitação podem conduzir Pitta à pressão alta. Pode sofrer com ansiedade, dores musculares e articulares. São propensos às doenças coronárias (trombose). Outros perigos são gastrite, úlceras do estômago, tumores, câncer do estômago, intestino e pele, psoríase, inflamação do sistema linfático, trato urinário, baço, hepatite, azia, herpes, menstruação intensa, doenças infecciosas etc.

KAPHA 

Em equilíbrio é sóbrio, leal, forte, fiel, justo, amigável, terno, seguro, auto-confiante e tende a ser próspero.

Em desequilíbrio é carente, maçante, monótono, inativo, apegado e possessivo.

Pessoas do biotipo Kapha têm compleição pesada e sólida, são fortes e resistentes, mas não se apressam no trabalho, são seguras, autoconfiantes e tendem a ser prósperas. Kapha sente dificuldade para emagrecer. O apetite é moderado, mas constante. Não digere bem carboidratos. Pele oleosa, macia, fina e um pouco pálida. Cabelo espesso, escuro, oleoso e ondulado.

Confiáveis, pacientes, corteses, generosos, ponderados nas decisões, seguros, mas podem ser muito materialistas, gananciosos, passivos e ter tendência a dormir muito. Gosta de sossego, segurança e comida caseira. Fazem tudo lenta e calmamente, não se abalam facilmente e gostam de fazer outros trabalharem por elas utilizando seu senso de iniciativa. São pessoas boas para o trabalho pesado e ganham muito peso com a vida sedentária, são talhadas para o serviço público e para as atividades empresariais e em posição de liderança. Se trabalharem em lugares úmidos e frios, terão dores nas juntas.

Os distúrbios que podem acometer Kapha são excesso de peso, falta de apetite, sistema digestivo fraco, má circulação, vômitos, gripes, resfriados, bronquite, asma, cálculos renais, problemas linfáticos, retenção de líquidos, tumores benignos, hidropsia, bócio, câncer no pulmão e no seio, infecções por fungos. Tendência ao excesso de muco, catarro, congestão crônica, asma e sinusite.

A pessoa em EQUILÍBRIO, assim como a essencialmente Vata, Pitta ou Kapha é mais rara. Os tipos intermediários ou combinados são mais comuns: Vata-pitta, Vata-kapha, Pitta-vata, Pitta-kapha, Kapha-pitta e Kapha-vata.

Aromaterapia

Aromaterapia é o uso terapêutico dos óleos essenciais para prevenção e tratamento dos sintomas físicos, mentais e emocionais.

Óleos essenciais são substâncias naturais presentes nas plantas, responsáveis pelos seus odores aromáticos. São extraídos através de destilação à vapor ou extração à frio, de diversas partes, como folhas, flores, caules, sementes, raízes ou cascas. Milhares de plantas possuem óleos essenciais, são plantas de cheiro forte e característico como Alho, Orégano, Manjericão, Eucalipto, Citronela, Lavanda, Menta, etc.

São altamente concentrados, voláteis e  100% puros. São ricos em diversos componentes químicos e penetram no organismo através da pele, do sistema olfativo e do sistema respiratório proporcionando inúmeros benefícios terapêuticos.

Óleos essenciais não possuem a viscosidade de óleo e não deslizam quando aplicados diretamente sobre a pele. Devem ser aplicados sempre diluídos em óleos vegetais ou bases neutras cosméticas. Podem ser usados também em banhos de imersão, inalações, escalda-pés, compressas, aromatização de ambientes entre outros e possuem diversas propriedades terapêuticas, como analgésico, relaxante, imunoestimulante, expectorante, digestivo, diurético, antidepressivo, cicatrizante, antisséptico, etc.

resultados-da-pesquisa-de-imagens-do-google-para-http-www-orientimport-fi-content-images-category-3-jpg_1278014501228

Para garantir as propriedades terapêuticas do seu óleo essencial é importante estar de olho em alguns detalhes na hora de comprar.

Desconfie de óleos essenciais muito baratos! Saiba que essência ou aromatizantes são diferentes de óleos essenciais.

Normalmente as essências possuem um preço fixo que varia entre R$5,00 e R$10,00 o frasco com 10ml, independente de qual essência está sendo vendida. Já os óleos essenciais possuem preços que vão de R$9,00 para um frasco de óleo de laranja com 10ml até mais de R$500,00 por um frasco de óleo de rosas que pode conter menos do que 10ml.

O que explica essa brusca diferença de preço é o fato de que para se obter óleos essenciais necessitamos de mecanismos diferentes para cada tipo de planta e muitas vezes toneladas dessa planta produzem apenas alguns litros do óleo dela.

Óleos essenciais devem ser 100% puros e naturais. Essências são imitações sintéticas dos compostos encontrados naturalmente nos óleos essenciais, mas não possuem efeitos terapêuticos e podem causar sensibilidade e irritação na pele. Se o óleo essencial não for puro, de uma marca conceituada e que garante sua origem, não traz benefícios.

Óleos Essenciais

Essências

Naturais

Sintéticos

Possuem efeitos terapêuticos

Não possuem efeitos terapêuticos

100% puros e naturais

Misturados com óleos minerais ou outras substâncias

Custo elevado (varia de acordo com o óleo)

Baixo custo

Vendidos em frasco de vidro (âmbar ou azul)

Podem ser vendidos em frascos de plástico

 

Saiba o nome científico da planta que você quer adquirir. Isso evita que você compre um óleo essencial de uma planta pensando que é outra. 

Saber escolher os óleos essenciais é muito importante. Deve-se considerar as necessidades individuais de cada pessoa. 

Atenção! Os óleos essenciais possuem contra-indicações:

  • Óleos essenciais contra-indicados para quem sofre de hipertensão e epilepsia: Alecrim, Tomilho, Canela, Cravo, Hortelã-pimenta, Gengibre.
  • Os óleos essenciais são contraindicados durante a gravidez.
  • Cuidados especiais com lactantes, bebês, crianças e idosos (use em menor concentração).
  • Óleos essenciais irritantes da pele: Cravo, Canela, Lemongrass, Gengibre, Hortelã-pimenta, Limão, Manjericão (aumentar a diluição).
  • Não é indicado se expor ao sol ao utilizar óleos cítricos, pois são fotossensibilizantes (Citronela, Grapefruit, Laranja, Limão, Tangerina e Bergamota).
  • Se tiver tomando remédios homeopáticos, consulte seu médico antes de usar os óleos essenciais. Evitar óleos essenciais ricos em menta ou cânfora.
  • Devido à sua alta concentração, não use-os puros sobre a pele, com exceção de Lavanda e Tea tree que podem ser usados puro na pele. 

Cromoterapia

A cromoterapia utiliza a freqüência vibracional das cores para restaurar o equilíbrio físico, mental, emocional e energético.

Pode ser aplicada de diversas maneiras: desde a utilização de cores específicas em ambientes e roupas; até o uso de luzes coloridas incidindo diretamente sobre o corpo, através da cromopuntura ou dos chakras (centros de energia do corpo).

Não é preciso estar sofrendo de uma doença para recorrer à cromoterapia. Se sentir nervosa ou emocionalmente instável já é suficiente para justificar a busca da terapia através das cores. Isto porque o objetivo da cromoterapia é restaurar não só o equilíbrio físico, mas também – e principalmente – o equilíbrio mental, emocional e energético.

Reequilíbrio dos Chakras

Consiste na técnica de aplicação de cores específicas para reequilíbrio dos chakras (centros de energia do corpo que se relacionam aos órgãos, funções e emoções). 

155738_478414808898760_718122665_n

Cromopuntura

Agora você já conhece a cromoterapia. Também já ouviu falar na a acupuntura, método milenar chinês em que agulhas são espetadas em pontos estratégicos do corpo com a finalidade de obter um bom efeito terapêutico. Junte as duas e eis que surge a cromopuntura, terapia desenvolvida na Alemanha, na década de 1970 pelo médico naturopata Peter Mandel.

A cromopuntura é uma terapia caracterizada por feixes de luz aplicados em pontos específicos do corpo, os mesmo utilizados na acupuntura e outros descobertos por Peter Mandel. A aplicação desses feixes de luzes é realizada através de um pequeno aparelho, que se parece com uma lanterna. Na ponta desse aparelho se encontra um cristal, de onde emana a cor e a luz direto ao ponto encontrado no corpo.