Os 5 Princípios do Reiki

HALDEN

cincoprincipios

Shoufuku no hihoo

(O método desconhecido que convida à felicidade)

Manby no ley-yaku

(A terapia espiritual para todos os distúrbios da mente e do corpo)

Os Cinco Princípios do Reiki são:

Kyo dake wa

(Só por hoje)

Okoru-na

(Não se zangue)

Shinpai suna

(Não se preocupe)

Kansha shite

(Expresse sua gratidão)

Gyo wo hage me

(Seja aplicado em seu trabalho)

Hito ni shinsetsu ni

(Seja gentil com os outros)

Asa yuu gassho shite kokoro ni nenji, kunchi ni tonaeyo

(De manhã e à noite, sente-se em posição  gassho e repita estas palavras em voz alta, para seu coração)

Shin shin kaizen, Usui Reiki Ryoho

(Tratamento do corpo e da alma, Usui Reiki Ryoho)

Chosso Usui Mikao

(O fundador Mikao Usui)

Anúncios

Reiki

Reiki é um sistema natural de harmonização e reposição energética que mantém ou recupera a saúde. O Reiki é um sistema próprio para despertar o poder que habita dentro de nós, captando, modificando e potencializando energia.

De origem japonesa, seu nome identifica o Sistema Usui de Cura Natural (Usui Reiki Ryoho), em homenagem ao seu descobridor, Mikao  Usui.

Rei significa universal e refere-se ao aspecto espiritual, à essência energética cósmica que permeia todas as coisas e circunda tudo quanto existe. Ki é a energia vital individual que flui em todos os organismos vivos e os mantém. Quando a energia ki sai de um corpo, ela deixa de ter vida. O Reiki é um processo de encontro dessas duas energias, a Energia Universal e a nossa energia física.

É um método que controla ansiedade e estresse, ativa o sistema imunológico, bom para eliminar vícios e compulsões, comportamentos e atitudes que queremos modificar. Funciona como instrumento de transformação de energias nocivas em benéficas.

O Reiki é uma terapia complementar, pode ser usada em qualquer tratamento médico convencional ou homeopático e também junto à acupuntura, massoterapia ou qualquer outro tratamento. Age em todo o Ser e trabalha em todos os corpos: físico, mental, emocional e energético.

A energia Reiki é uma das maiores forças deste planeta para a evolução das pessoas, um caminho de harmonização interior com o Universo. É uma energia confortadora, vinda de Deus, do Criador. Vem do macrocosmo para o microcosmo.

O Reiki eleva sua consciência, traz alegria, felicidade, prosperidade, bem estar e recupera e mantém a saúde.

Reiki-112802441

Cromoterapia

A cromoterapia utiliza a freqüência vibracional das cores para restaurar o equilíbrio físico, mental, emocional e energético.

Pode ser aplicada de diversas maneiras: desde a utilização de cores específicas em ambientes e roupas; até o uso de luzes coloridas incidindo diretamente sobre o corpo, através da cromopuntura ou dos chakras (centros de energia do corpo).

Não é preciso estar sofrendo de uma doença para recorrer à cromoterapia. Se sentir nervosa ou emocionalmente instável já é suficiente para justificar a busca da terapia através das cores. Isto porque o objetivo da cromoterapia é restaurar não só o equilíbrio físico, mas também – e principalmente – o equilíbrio mental, emocional e energético.

Reequilíbrio dos Chakras

Consiste na técnica de aplicação de cores específicas para reequilíbrio dos chakras (centros de energia do corpo que se relacionam aos órgãos, funções e emoções). 

155738_478414808898760_718122665_n

Cromopuntura

Agora você já conhece a cromoterapia. Também já ouviu falar na a acupuntura, método milenar chinês em que agulhas são espetadas em pontos estratégicos do corpo com a finalidade de obter um bom efeito terapêutico. Junte as duas e eis que surge a cromopuntura, terapia desenvolvida na Alemanha, na década de 1970 pelo médico naturopata Peter Mandel.

A cromopuntura é uma terapia caracterizada por feixes de luz aplicados em pontos específicos do corpo, os mesmo utilizados na acupuntura e outros descobertos por Peter Mandel. A aplicação desses feixes de luzes é realizada através de um pequeno aparelho, que se parece com uma lanterna. Na ponta desse aparelho se encontra um cristal, de onde emana a cor e a luz direto ao ponto encontrado no corpo.

Espaço Zamboê San

Localizado na Zona Sul de Ribeirão Preto, o Espaço Zamboê San foi criado especialmente para quem busca tranquilidade e harmonia entre o corpo e a mente.

Assista o nosso vídeo institucional e veja um pouquinho do que te espera aqui!

www.zamboesan.com.br

 

Reflexologia

Cada área ou função do corpo é representada por um ponto reflexo correspondente nas extremidades, principalmente os pés, que contêm feixes de terminais nervosos ultra-sensíveis. Ao estimular esses pontos, a reflexologia liberta a tensão, elimina bloqueios e ajuda o corpo a combater inúmeras disfunções. Compreender que os pés são um “mapa” do corpo inteiro é fundamental para a reflexologia.

Os pés refletem por inteiro nosso estado de saúde. Dotados de 26 ossos, 100 ligamentos, 20 músculos e uma intricada rede de nervos e vasos sanguíneos, os pés podem nos fornecer abundante informação sobre nossa saúde física, metal e emocional.

Do mesmo modo, a forma como tratamos nossos pés influencia não apenas o seu próprio desempenho como o funcionamento geral do corpo e da mente.

Trabalhando nos pontos reflexos dos pés, é possível estimular, por intermédio dos canais nervosos, qualquer órgão, função ou parte do corpo que esteja tensa, congestionada ou comprometida. Se eliminarmos a tensão, ajudamos o sistema a desvencilhar-se de toxinas quando necessário, reduzimos a dor e estimulamos o corpo a curar-se por si mesmo.

A pressão, aplicada nos pontos reflexos sensíveis dos pés, constitui um estímulo, que funciona como agente ou fator capaz de suscitar uma reação nos tecidos e induzir uma reação fisiológica.

Na reflexologia o estímulo, por contato ou pressão, desencadeia um impulso eletroquímico que altera os processos nervosos, transmitindo uma mensagem por meio das fibras nervosas. Os impulsos nervosos podem viajar a uma velocidade média de 435 km por hora. Pode-se dizer que o nosso corpo é, basicamente, uma usina eletroquímica em funcionamento dia e noite.

Pontos reflexos também são encontrados em outras extremidades do corpo: por exemplo, mãos e orelha. No entanto, a sensibilidade dos pés (que contém mais de sete mil terminais nervosos) e seu tamanho tornam-nos a área ideal para o trabalho da reflexoterapia.

Fonte: Guillanders, Ann. Guia completo de reflexoterapia: todo conhecimento necessário para adquirir competência profissional. São Paulo: Pensamento, 2008.